IGREJA

Artigo I

Só Deus pode julgar.



Só Deus pode julgar.

 [Tg. 4: 11a] “Irmãos, não fiquem criticando uns aos outros!”

Tudo que não está de acordo com o nosso procedimento é passivo de julgamento. Essa é a tendência da humanidade; mas nem sempre estamos certo no que fazemos; desta forma, nunca estamos preparados para julgar, contudo não hesitamos em fazê-lo.  Na verdade, só Deus pode julgar.

Julgar segundo no nosso ponto de vista é goro; uma vez, que, não existe estilo certo ou errado de fazer as coisas. Cada um tem sua própria habilidade de praticar; uns mais estruturados, outros completamente desestruturados. Criticar ou julgar não vai levar a nada. Pelo contrário, quem assim procede, está julgando a lei. E, se você julga uma lei, você não é alguém que obedece a uma lei, mas alguém que a julga [v.11b].

Somente Deus pode julgar. Ele é o legislador e juiz: aquele que pode salvar e destruir. Quem é você para julgar o próximo? [v.12]. Você conhece a essência do relacionamento humano? Sei que não. Então não julgue, para não cometer injustiça e, assim, ir de encontro com a lei do amor. Só Deus pode julgar, pois só ele conhece inteiramente o que é o homem.

Como filhos de Deus; realçamos a sua justiça, e, se julgamos com injustiça, como a humanidade poderá crer na justiça de Deus? O que eles dirão? Que, Deus é injusto, quando Ele derramar sua exaltação sobre nós? Comportemo-nos com justiça para que a humanidade creia na justiça de Deus, de forma que a infidelidade deles revele mais ainda a fidelidade de Deus [Rm. 5: 5-6].

Apesar de estarmos por assim dizer em privilégio com Deus em relação aos que ainda não ouviram [aceitaram] o chamado de Cristo, não devemos portanto nos orgulhar e julgar, porque segundo a Escritura todos os homens são pecadores. Mesmo porque a observância dos mandamentos não torna ninguém justo, eles apenas tornam o homem consciente do seu próprio pecado. Portanto ao julgarmos os outros, estamos negando a misericórdia de Deus, nos tornando auto-suficiência em ter a pretensão de salvar a si, próprio [Rm. 5: 7-9].

Não julgues, para que ninguém venha suplica a Deus contra ti; e, Deus entre em ação, pois só Ele, poderá fazer com que a justiça triunfe [Sl. 82].

Luiz Clédio Monteiro
Fundador da Rede Social Cristã
Site: http://doutrinacrista.ning.com/
Web: http://doutrinacrista.ning.com/profile/luizclediomonteirofilho
Blog [Doutrina Cristã]: www.cledio.blogspot.com

2 comentários:

  1. Neste momento peço a Deus, em nome de Jesus, para abençoar a vida do irmão.
    Deus o abençoe.

    ResponderExcluir

Não use o silêncio como a melhor forma de dizer Aleluia!
Deixe seu comentário.
Ele é muito importante.
Obrigado

| Copyright © 2013 DOUTRINA CRISTÃ