Header Ads

Cobradores de justiça.




Cobradores de justiça.

[Mt. 5: 43] “Vocês ouviram o que foi dito: ‘Ame o seu próximo, e odeie o seu inimigo!”

Somos cobradores de justiça. Toda hora, todo tempo, em todo lugar vivemos cobrando dos outros: justiça, justiça, justiça.

Enquanto nossa justiça nos ensina a odiar os amigos dos outros e nem falar com estranhos, Jesus instrui que amemos tais pessoas e oremos por aqueles que nos perseguem [v. 44]. Que discrepância - aversão aos nossos costumes. Não? Pelo visto, neste mundo não há lugar para os que amam como Deus ama.

Quando vamos nos tornar filhos de Deus, fazendo as coisas que Deus faz. Com que alegria poderíamos fazer nascer o sol sobre aqueles que nos trai? Se pelo menos confiássemos na vingança de Deus teríamos essa alegria. Com que razão poderia deixar que caísse chuva sobre os que nos foram injustos? Se pelo menos amassemos Deus acima de tudo teríamos todo motivo do mundo para isso.

Mas como não cofiamos e não amamos Deus o suficiente, é claro que só queremos o bem para os que fazem o bem a nós. Essa é a recompensa da nossa justiça. E, Deus? - Deus? Ah! Ele nos perdoará como sempre o faz. Pesamos! Afinal se Ele manda chuva para os injusto e sol para os traidores, porque não perdoaria nossas tradições onde o perfeito e extraordinário será sempre cumprimenta os amigos e ignorar os desconhecidos?

Só o Evangelho poderia mudar toda essa forma de relacionamento construído pelo o homem. Nele somos convidados a compreender o comportamento que nos pode torna filho pela justiça do Pai. Mas quem crer nisso? O mundo está muito ocupado cobrando justiça por todos os lados.

Luiz Clédio Monteiro
Fundador da Rede Social Cristã
Blog [Doutrina Cristã]: www.cledio.blogspot.com
E-mail: Lcmf56@hotmail.com
Tecnologia do Blogger.