Arquivo blog: clediomonteiro.webblogger.terra.com.br

TRANSFORMAÇÃO

(...) Com o rosto em terra, ficaram grandemente atemorizados. Chegou-se, pois, Jesus e, tocando-os, disse: Levantai-vos e não temais. E, erguendo eles os olhos, não viram a ninguém senão a Jesus somente . Mateus l7 6-8.

Assim como a transfiguração de Jesus foi muito significativa e relevante, assim também tem sido distintamente muito importante os acontecimentos de transformação por que passa os que crêem em Jesus e convertem vossas vidas sobre a luz da verdade do Evangelho, servindo-se de testemunho e ao mesmo tempo se deixando suplantar por Ele.

A visão fornecida da transformação pessoal que o mundo ver no cristão, se completa com a voz interior advinda do Espirito de Deus que o confirma e o glorifica agora com filho pela virtude de Cristo Jesus.

Mas como e o que aquele que deseja essa transformação deve fazer para que a revelação da divindade de Jesus aconteça em sua vida?

Para que esses momentos de fé oculta torne-se todos os dias em sua vida a marca da glória divina de Jesus, é necessário a manifestação de uma ampla extensão de atividade onde envolve a nutrição da fé, a instrução do conhecer e o treinamento do servir a fim de amadurecer os aspectos da confiança em Cristo que tudo sustenta, do aprendizado que ilumina, da devoção que transforma, da justiça que liberta, e do serviço que edifica com responsabilidade. Porem, acima de tudo, é necessário se ser misericordioso!

Embora muitos tenha se dedicado com veemência nestas disciplinas, é comum ver o esmorecimento e ouvir as lamentações devido as frustrações da graça não alcançada. Não abstratamente neste contexto devemos analisar com ênfase alguns procedimento rotineiros que podem está impedindo o ofício desta graça. Vejamos:

O cristão transformado se deixa suplantar por Cristo tão igualmente como diz o versículo “E, erguendo eles os olhos, não viram a ninguém senão a Jesus somente”. Ora, eu lhe pergunto: Quantas são as coisas a quem você tem inocentemente ou não, tradicionalmente ou não, propositadamente ou não, tradicionalmente ou não, tem feito, ou praticado, ou usado no sentido de achar (sem notar que é idolatria) que esse tal objeto ou essa tal coisa é necessário para a sustentação ou salvação ou proteção de sua vida embora você tenha Jesus como seu Salvador, tornando no entanto essas coisas indispensável no complemento de tal graça? Se você disser somente uma, uma só que for, por menor que ela seja ou por mais insignificante que possa parecer, como usar uma roupa com uma cor propositada para proteger ou uma alegoria no corpo para imunizar, isso está definitivamente deletando tudo quanto tens feito em favor do vosso pacto com Deus. Simplesmente você está com o rosto em terra e grandemente atemorizado embora esteja na presença de Jesus e ouvindo Ele dizer “não temais”.
É mister que o cristão seja santo, incontaminado pela moralidade do mundo. É preciso que seja definido o limite que separa a tua fé em Cristo do medo de sofrer as indiferenças deste mundo. Jesus instituiu a disciplina do poder de “ligar” e “desligar” (Mt 18.18) cabe a você fazer uso dela ligando-se a Cristo incondicionalmente que te faz isento dos pecados e desligando-se do seu ego o velho fermento que corrompe definitivamente e submeta-se a supervisão da sua vida eclesial e congregue no templo do Senhor sobre a liderança dos pastores de Cristo para vindicar a honra Dele e evitar a ira de Deus que poderia cair sobre te se acaso permitires que a aliança e seus selos forem profanados.
Há apenas um pecado pelo qual pode-se perder definitivamente a graça de Deus (a vida) – é a falta de arrependimento.
Ame portanto a vida ao invés da morte (Lc 13.24).

Por Clédio Monteiro
Em 2002-05-12
=




enviado por Clédio - Dio as 01:56:17. comentários[0]

envie este texto para um amigo
Sobreviver não é suficiente
Partindo daí, procure demonstrar como evolução, enquanto força primária da natureza, pode ser liberada em qualquer momento da sua vida.
O primeiro passo dessa aproximação da pessoa com a biologia evolucionária é eliminar a tendência à estabilidade que está enraizada nas pessoas e, quando a pessoa aprende a adotar a mudança sem sofrimento, é mais provável que evolua de modo saudável e crescente, rumo à lucratividade como pessoa e santidade como espírito.
Aproveito para parabenizar o Pr. Eliezer pelo bonito e positivo sermão de Domingo passado (pela manhã).
Do Ir.
Clédio


enviado por Clédio - Dio as 01:56:00. comentários[0]

envie este texto para um amigo
SINTONIA COM A PROSPERIDADE
"Mas buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas." (Mt. 6:33).
Uma das verdades mais importantes que se pode aprender, é que somos todos unidos pelas mesmas características humanas. Todas as pessoas querem as mesmas coisas da vida: saúde, felicidade, prosperidade, sucesso, posição social, família, amor, poder e apreciação.
Mas, a fundamentação e a evolução da nossa vida depende de algumas coisas vejamos:
1. Decisão – Primeiramente você tem que definir suas necessidades espirituais antes das materiais, idealizar firmemente o quadro mental do que deseja que se realize no mundo espiritual resumindo na decisão de entrar pela porta do átrio, de encontro à conversão em Cristo aceitando-O como seu Único e Suficiente Salvador (Jo. 3:36).
2. Aceitação – O próximo passo, é aceitar a si mesmo completamente como um filho de Deus pela fé e graça da salvação em Cristo – Isso fará com que a sua mente trabalhe em consonância com os dons do Espirito Santo para beneficiar o crescimento espiritual (1 Co. 3:6).
3. Purificação – Em seguida, vem a purificação pelo caminho do perdão. Use esse método de energia psíquica, como instrumento de poder perdoar a si mesmo, a sua família, a Deus e a todas as tristezas, mágoas e sofrimento que outros te fizeram, sem ressentimento ou amor próprio (2 Co. 2:7 e 10). Num ato de obediência e exigência imperativa de Deus. Assim, você estará com precisão e exatidão modificando toda sua vida atual para uma outra sobrenatural de plena realização espiritual, moral e consequentemente material numa existência de profunda satisfação de liberdade e longanimidade (Sl. 72:7).
4. Intercessão – Nesse estágio de gozo e paz, e com todos os pactos, ritos, hábitos, supertições, idolatrias e maldições feitos nos tempos da ignorância rompidos em renúncia completa (Col. 1:13-14), certamente desejará ansioso que essa grande experiência espiritual seja possível também para outras almas atormentadas por quem Deus se interessa, na qual anteriormente tu mesmo fazia parte. E jejuando em oração, confissão, súplicas, confiança e esperança, intercederá com seu Psíco-orientador, passo a passo, o encontro com Deus. Os frutos do amor, da utilidade, da paz, da longanimidade, da bondade, da fé, da mansidão e da temperança do Espirito Santos, serão derramados em teu benefício e dos necessitados ora intercedidos pelo nome de Cristo (Gên. 12:3).
5. Testemunho – Certamente o testemunho do poder de Cristo em ti, em tua vida, em proclamação pública de fé, será gratificante para Deus (Js. 22:27-29). Lembre que em muitos, Cristo é apenas um profeta crucificado todos os dias e quando eles choram, não choram com pena da sua morte, do seu sofrimento, mais porque tem medo que isso possa acontecer com eles e quando louvam à Cristo, estão louvando ou confirmando apenas o poder que Cristo tem sobre o Céu e a Terra e não sobre suas vidas (Lc. 9:5).
6. Face a face com Deus – Um homem em santidade, obediência e vigilância (1Pe. 5:8). De mente elevada e positivamente em perfeita sintonia com o espirito e o corpo em submissão à vontade de Cristo, poderá está face a face com Deus e "do seu interior fluirá rios de águas vivas" (Jo. 7:38) – Isso propiciará a conquista de quaisquer coisas materiais: dinheiro, imóveis, carros, a auto proteção (de ataque e defesa) E espirituais: amor, paz de espírito, saúde, vigor físico e mental. Todos os bens materiais que tanto procurava obter com ansiedade e stress, estão ao seu alcance agora. Mas, tendo todo poder para conquistar tudo isso, é possível que isso tudo já não te interessa tanto, porque, a quem Cristo recebe nesse nível, certamente não desejará mais nada, alem do seu amor e da sua presença.
Pessoas nesse nível espiritual tem controle mental e praticam a meditação dinâmica de oração. Tem um gerador de energia psíquica, que é uma fonte produtora de realizações, visualização, imaginação com o pensamento concentrado em um nível profundo de consciência. A memória melhora e tornam-se mais capacitadas para resolver problemas.
Elas adquirem uma faixa maior de atividade cerebral para transformar sua vida presente numa existência de profunda satisfação, saúde perfeita e contínua. Quando as pessoas aprendem a operar mentalmente, em um nível especial, o impossível torna-se um lugar comum.
Mas, lembrem-se. Deus, usa cada um de nós conforme sua necessidade. É importante aceitar nossas condições de entendimento, se vemos que essas condições, são as que Deus nos reservou. Amem?
Do ir. em Cristo
Clédio Monteiro
2002-10-04
=


enviado por Clédio - Dio as 01:55:25. comentários[0]

envie este texto para um amigo
Simplicidade
Três cientistas (ainda estudantes) da computação Manindra Agrawal, Neeraj Kayal e Nitin Saxtena, do Instituto Indiano de Tecnologia em Kanpur, chocaram a comunidade de matemáticos ao encontrar a solução para um problema que dura séculos: como dizer se um número é primo (hoje em dia é extremamente difícil descobrir os fatores de grandes números primos. Em 240 a.C., o matemático grego Eratóstenes apresentou a primeira forma à prova de falhas para saber se um número era primo). A prova é impressionante em sua simplicidade, e fez os matemáticos se perguntarem o que mais eles podem ter deixado passar.
O sucesso deles está na nova abordagem que adotaram para o problema. Em vez de fazer a grande pergunta, "este é um número primo?", eles geraram uma série de perguntas menores ou "igualdades" do número que está sendo testado. "Se as igualdades se sustentarem, o número é primo, se alguma delas não se sustentar, então o número não é primo", explica Agrawal.
Da mesma forma desde a muitos séculos as pessoas vem lutando com um problema: como encontrar a salvação para uma vida eterna. A solução aqui também é impressionante em sua simplicidade ao ponto de se perguntarem o que mais estamos perdendo. Foi um aprendiz e filho adotivo de um carpinteiro na Palestina ( 21 séculos atrás) que chocou a comunidade religiosa do mundo, quando apresentou a solução. Ele usou uma nova abordagem que adotara para o problema. Em vez de fazer a grande pergunta: "O que devo fazer para obter a salvação"? Ele gerou um ato de passividade contra a prepotência do "querer é poder" e fez a simples declaração: "Eu aceito ser salvo" (isto é, por Cristo que pode salvar). O resultado tem sido estrondoso na vida dos que experimentaram essa declaração. A solução do enigma é comparado a de um homem que está se afogando. Se ele reagir, ele morre mais rápido mas, se ele agir em favor dos que querem salva-lo, ficando a mercê deles, sua vida será salva. Concorda? Sim ou não? Eu costumo diz: Me ajuda a te ajudar!
A solução deles é simples, contudo, não quer dizer que seja trivial; o que eles fizeram foi muito inteligente. E, se há um teste simples para saber se um número é primo no sistema de encriptação usado para proteger ‘megas’ transações pela Internet, também pode haver uma forma simples de determinar os fatores da nossa salvação em Cristo Jesus. Não duvide. Aceite já! É uma bela solução e um lembrete de como podemos ignorar as coisas simples.
Ir. Clédio Monteiro
2002-08-17
=


enviado por Clédio - Dio as 01:54:59. comentários[0]

envie este texto para um amigo
Senhor Jesus!
Lembra-te Dele sempre! (Ap. 1:8)Com semelhantes glória, virtude e sabedoria não ouvimos nem vimos jamais. E tem livrado muitas almas da morte e ainda seguirá livrando muito mais durante os tempos. E acontece que Ele está sobejando graça e sabedoria. Leva-O, por favor, para tua casa! — Jesus agradece a ti, por haveres falado com retidão e dado um testemunho justo e certamente será curado aquele que anteriormente foi castigado. (Mt. 5:16)
O Senhor Jesus, bem sabe quais as palavras não vêm de ti, e por isso Ele as vezes cala por piedade a tua pessoa (Ec. 7:20 Tg. 3:2). Porem aquele que O aborrecer em espírito morrerá. Porque qualquer palavra que de sua boca sair, seja boa ou má, tornasse-a um fato e convertia-se numa maravilha. (Ap. 6:17)
A nós, é suficiente que o amemos sem contudo pedir provas. Pois não sabemos quão grande é o seu poder, pois se soubéssemos não O magoaria (Hb. 7:26). Ainda que neste instante Ele esteja contigo, Ele está ao mesmo tempo com todos nós. Pois os traços da sua justiça são homogêneos, equilibrados e proporcionados.(Dt. 32:4)
O hipócrita diria assim:
"Pobre de mim! Não sei o que fazer, pois eu mesmo procurei a confusão ao trazer Jesus para junto de mim. Por causa da minha impostura, fingimento, simulação e falsidade com o Senhor Jesus, não posso mais suportar a severidade do seu olhar. Não consigo fazer com que suas palavras sejam inteligíveis para mim. Não sei qual o ventre pôde tê-lo carregado e qual seio pôde havê-lo nutrido. Por minha falsa devoção, enganei-me, pobre de mim! Queria muito ter poder e deparei-me com um mestre que faz do poder sobre todo as coisas a simplicidade de ter poder de perdoar os fracos. Que vou explicar a respeito do que Ele me disse sobre as minhas falsas intenções? Não sei, amigos, porque ignoro a origem e o destino desses sentimentos (2Co. 4:4). Por isso rogo, irmão, que O leve para tua casa! Ele é algo extraordinário: ou um Deus ou um anjo, ou já não sei o que dizer". (Ed. 10:11)
Frutificai agora vossas coisas e abri os olhos à luz os cegos de coração. Pois o Senhor Jesus veio de cima para amaldiçoar-nos e depois chamar-nos para o alto, pois esta é a ordem daquele que O enviou por nossa causa.(Sl. 34:8) Dirá assim o inocente:"Senhor, Tu não me julgaste, porém me ressuscitaste. E lembrarei-me de Te! Porque verdadeiramente, o Espírito de Deus habita em Te". (Sl. 33:5)
Esse inocente, por tal maravilha, põem-se a adorar Jesus e guarda em seu íntimo todos os mistérios que O ver realizar em sua vida. Concluindo certamente dirá: "Feliz de mim, porque Deus me deu o Senhor Jesus!" (2Tm. 2:19)
Se te atreveres, irmão, leva-O contigo e aceite-O com muito receio e preocupação, assim o Senhor Jesus demonstrará boa vontade. Leva-O, por favor, para tua casa! Para que não morras, mas viva feliz com tua família! (Sl. 25:8)
Na verdade, o Senhor Jesus é o filho de Deus, e tudo o que sai da sua boca torna-se um fato consumado.
Ir. Clédio Monteiro
2002-09-15
=


enviado por Clédio - Dio as 01:54:45. comentários[0]

envie este texto para um amigo
Semeando e Colhendo
"Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará. Porque o que semeia para a sua própria carne da carne colherá corrupção; mas o que semeia para o Espírito do Espírito colherá vida eterna. E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não desfalecermos." (Gálatas 6:7-9).
Li num folheto intitulado "Loja de Deus" de Autor desconhecido, que narrava a visita de um pessoa à loja e lá, indagando o Anjo do Senhor sobre o que vendia, soube que podia adquirir todos os dons de Deus e de graça. Ele então pediu: - Por favor, quero amor de Deus, todo perdão d’Ele, um vidro de fé, bastante felicidade e salvação para mim e toda minha família. O anjo do Senhor muito atencioso, preparou tudo, embrulhou e entregou ao rapaz. Ele ficou maravilhado mas muito desconfiado pois o embrulho era muito pequeno e cabia na palma da sua mão. Ele então perguntou: - É possível, tudo aqui? O anjo respondeu-lhe sorrindo: - Meu querido irmão, na loja de Deus não temos os frutos, apenas sementes...
Colheremos exatamente o que semeamos. Nenhuma semente é neutra. Estamos sempre a semear consequentemente estamos sempre colhendo, nunca paramos e as sementes estão a nossa disposição nos bornais de Deus ou de Satanás. " Os céus e a terra tomo, hoje, por testemunhas contra ti, que te propus a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua descendência." (Deuteronômio 30:19,20). Jesus sempre semeia vida. Ele é vida. (João 14:6). Satanás sempre semeia morte. (João 10:10).
Por hábitos velhos, escolhemos semente no bornal errado mas a ignorância não faz cessar a operação da lei natural da mesma forma é a espiritual, que cumprirá por destino aquilo para a qual foi criada. (Oséias 4:6). Nascidos de novo, devemos escolher melhor o bornal.
Como é, ou o que é, a semente que semeamos? Ela pode ser: a Palavra – a Atitude – ou a Ação. Mas, a semente também precisa de um bom solo (coração) alem de ser do bornal de Deus, para que ela cresça e dê fruto. Para se ter um bom solo, tem que haver cuidado especial no preparo, ele deve ser bem limpo e irrigado com a palavra de Deus e deve ser feito com oração e ações. Nos outros, através de oração intercessora. (Mateus 13:18-23).
A colheita (resultado) tem o fator tempo que ocorre numa época diferente da semeadura ( a obra). Não tente faz a colheita antes do tempo e nem ‘desenterre’ sua semente, Não perca a esperança quando a colheita não parece ser o que você semeou, dê-lhe temo para amadurecer. A obra por si mesma frutifica (Marcos 4:26-29). E multiplica. Nós sempre colhemos mais do que semeamos, assim, temos novas sementes para nova semeadura e nova multiplicação na nova colheita para nova ... (Mateus 13:8). A ciranda vem de uma única semente que aceitamos vinda do bornal de Deus ou do bornal de Satanás. Quando a plantamos, ceifamos uma colheita com resultado de novas sementes que novamente semeada produz um retorno ainda maior com a qualidade do bornal.
Descubram quais sementes foram semeadas. Analise cuidadosamente e selecionem as boas para continuar a colheita de bons frutos. Em caso de colheitas indesejáveis, Arrependam-se (1 João 1:9). O arrependimento age como herbicida: as colheitas começam a morrer imediatamente. As vezes as colheitas levam tempo para morrer. Não se desanimem. Não aceitem a condenação do inimigo. Permita que Deus restaure as áreas de colheitas indesejáveis ajudando-os a semear boas sementes (Joel 2:25). Peça a Deus que lhes dê sementes para semear (2 Corintios 9:10). Lembrem-se, a semente é nos dada pelo pensamento, portanto, pense nas coisas que são dadas pelo Senhor (Filipenses 4:8) e livre-se dos maus pensamentos.
O que semeia para o Espírito do Espírito, colherá vida eterna! (Gálata 6:8).
Do seu Ir. Em Cristo
Clédio Monteiro
2002-10-02
=


enviado por Clédio - Dio as 01:54:27. comentários[0]

envie este texto para um amigo
Reunião de Ministério
O Ministério de Educação, propôs um desafio a igreja sobre o melhor desempenho dos ministérios. E que o vencedor ganharia uma viagem à Jerusalém.

No dia da reunião, o pessoal do ministério de Louvor expôs sua posição dizendo: "Ninguém acalenta os irmão como nós".
Em seguida, o pessoal do ministério de Comunhão retrucou: "Mas em compensação, é nós que fazemos o relacionamento entre eles?"
Já o pessoal de Missões disse: "Acalentar e relacionar é bom, mas é nós que trazemos eles para a comunidade".
Imediatamente o ministério de Ação Social veio com seu ponto de vista: "Vocês podem traze-los para acalenta e relacionar mas, a nossa assistência social e espiritual é fundamental para mante-los aqui".
Enquanto a discussão rolava, veio o pessoal da administração com seu parecer: É, mais quem é que mantém toda essa estrutura funcionando?"
Retorquiu imediatamente o pessoal de finanças: "Por isso não, porque tudo depende do nosso apoio financeiro".
A reunião já estava em hora avançada e a discussão ainda continuava sobre quem tinha o ministério mais importante sem contudo, se chegar ao xis da questão, quando o zelador que estava coletando as lixeiras pediu a palavra e falou o seguinte: "Irmão, vejo que a igreja não seria completa sem que um desses ministérios não pudesse ajudar, no entanto, apesar deste fato, eu perguntaria a vocês: " De que adianta convidar as pessoas para assistir o culto ouvir o coral se conhecerem melhor na hora da comunhão num ambiente limpo e seguro se depois de tudo isso vocês não puderem contar pra todo mundo?"
Resultado: Ganhou o ministério Pastoral!
Ir. Clédio Monteiro
2002-11-16
=


Projeto de Evangelização de São Luis
Uma Visão Possível
Projetado para a PIB – São Luiz – Ma.

O LEMA – Salvar, Batizar e Integrar numa Comunidade de Amor.

O OBJETIVO – Realizações de Encontros Facilitadores Estruturados em Espiritualidade, visando alcançar toda São Luís para Cristo. Pois quando evangelizamos e oramos pedindo a Deus para mudar o rumo da nossa cidade, estamos dispostos a tomarmos certas posições que irão incentivar outros a fazer o mesmo. Se não fazemos nada, com certeza cai sobre nós a responsabilidade dos males da cidade.

O PENSAMENTO - O mais importante é perseverar na visão que Deus nos deu e confiar nos resultados dos frutos.

O ESTILO - Deve ser o de Jesus. Pensarmos como Ele, andarmos como Ele e sentir como Ele. O que Ele sente atualmente em relação a nossa igreja e a cidade? O que temos feito para relacionar a igreja com a cidade? Vamos promovê-la? Vamos vivê-la! Não de palavras, mas em ações vívidas.

A AÇÃO - Levar a igreja a praticar o relacionamento por meio de programas concretos que irão envolver outros que não estão ligados diretamente ao objetivo. Segue-se abaixo algumas idéias sobre como implementar este objetivo e mantê-lo sempre atualizado na igreja.

ü Colocar a bandeira do Maranhão e do Brasil penduradas em algum local da igreja. A igreja deve respirar e viver pelo povo de São Luis.

ü Aos domingos, ornamente o hol da igreja com “banners” e materiais ilustrados que lembrem os irmão sobre a necessidade dos encontros facilitadores para evangelizar o povo de São Luis. Tente usar o melhor, pois, fazendo assim, haverá uma participação maior das pessoas.

ü Se possível, separe um domingo por mês, e faça um culto referindo-se aos Encontros Facilitadores acontecidos e seus resultados. Sempre que for oportuno, convide um encontreiro para trazer testemunhos sobre as práticas do serviço em confrontação com a sua realização pessoal e do encontrista que ele foi.

ü Realize eventos internos na igreja ou reuniões nas casas dos irmãos para promover a visão dos encontros facilitadores, principalmente entre os mais desligados.

ü Criar um grupo de oração permanente que ficarão orando pelos casais ou pessoas a serem alcançadas.

ü Envolver as congregações de Bacabeira, Recanto Verde e Cantinho do Céu a fim de organizar intercâmbios nessa visão de unidade é promover reuniões de oração que focalizem a necessidade de recrutar novos encontreiros e tentar fazê-los participar com novas idéias e sugestões. O importante é não se fechar apenas na igreja, mas procurar envolver outras da cidade. Lembrem-se Deus deve estar acima das nossas diferenças ideológicas ou costumes. Nós somos o corpo de Cristo, e ele não pode vencer dividido.

TIPO DE EVENTOS ESPECÍFICOS – Sabemos que nem todos após a conversão vão congregar em nossa igreja. Mesmo assim, trabalhamos, visando almas, e não os números.

EFCC – Alcançar casais do nível empresarial, profissionais liberais, comerciários, funcionários públicos e outros, independente de religião. Na oportunidade, o casal encontrista se deparar com temas relevantes sobre restauração “impossíveis” que muito irá engrandecer o relacionamento conjugal e social. O evento, é baseado em fatores que prendem o casal participante num estado vibrante e dinâmico como marido e mulher. O EFCC capacita o casal a redescobrir o desejo do coração para uma área em que o mundo perdeu a visão: A vida conjugal.

CASADOS PARA SEMPRE – Princípios Bíblicos para um casamento permanente sobre a cura e o poder restaurador da Palavra de Deus.

EFJC – alcançar jovens de todos os níveis e religião. Alertando-os sobre as doces e vaidosas ofertas do mundo e o perigo das drogas. O evento aborda temas de como e para que propósito servem os jovens que tem o seu maior problema baseado na falta de conhecimento de si mesmo que, por conseguinte, não pode ouvir o chamado de Cristo

IGREJA SHOW – Mobilizando o coral para grandes peças musicais em teatros ou espetáculos artísticos com finalidade de contados pessoais e panfletagem.

EVENTOS DA TARDE – Chás evangélicos com finalidade de reunir senhoras, senhoritas, viuvas e mulheres em geral para um momento de descontração e apresentação de grupos teatrais da igreja incluindo alguns testemunhos. Distribuição de brindes e outros.

IGREJA PORTA A PORTA – Equipe de evangélicos (dois em dois) para visitar as residências que estão na prospecção da ação para apresentação de Jesus e degustação de orações efetivas família.

IGREJA AVANÇADA – Finalidade de marcar presença da igreja em locais de grande fluxo de pessoas com distribuição de panfletos para efetivar futuras vistas. Prospecção do espaço pré-definido e negociado a ser usado para a montagem de barraca, guarda-sol, mesa, cadeira e materiais no local.

IGREJA ATIVA – Panfletagem com mídia sobre os cultos evangélicos no local pré definido. Podendo utilizar carro de som como apoio.

IGREJA KID – Animação infantil em parques, shopping e clubes com contratação de barracas de algodão doce, pipoca, palhaços e outras atrações com distribuição de brindes puramente Cristãs.

IGREJA CORPORATIVA – (Clube, Associação de Classe, Industria e quartéis) Anunciar Cristo e angariar novos encontristas para futuros eventos do EFCC. Negociar com estas entidades, a liberação de espaço por um prazo determinado para montagem de barraca, guarda-sol, mesa, cadeira, materiais evangélicos e Bíblias para distribuição. Negociar mailing dos funcionários ou associados para envio de Mala Direta. Obs.: Deve ter oferta de oração especial. Colocação de Faixas em locais estratégicos informando data da ação.

IGREJA AGREGADA – Estabelecer a marca de Cristo em feiras, shows, festas e eventos em geral realizados na cidade para contatos pessoais e panfletagem.

IGREJA SOCIÁVEL – Instalar ponto por um prazo determinado (barraca, guarda-sol, mesa, cadeira, materiais promocionais) dentro de condomínios ou comunidades fechadas para panfletagem e contatos religiosos ou de oração e angariar encontristas para os EFCC futuros. Colocação de faixas em locais estratégicos. Distribuição de Bíblias.

IGREJA PENITENTE – Visitação às penitenciarias, cadeias ou presídios, levando a palavra confortadora de Cristo. Distribuição de Bíblias e folhetos.

IGREJA MENSAGEIRA – Visitação em hospitais, clínicas, asilos, hospícios, levando oração e consolo aos que sofrem. Distribuição de merendas e similares.

IGREJA SUSCITADA – Atendendo por misericórdia, o grito de quem pede compaixão, piedade ou socorro. Distribuição de cestas básicas de alimentos, roupas, medicamentos e outros similares. Levar grupo de cânticos, coral ou carro de som.

IGREJA PARCELA DA HUMANIDADE – Visitação a prostíbulos e adjacente, levando esperança de perdão pelo arrependimento e obediência. Panfletagem e distribuição de Bíblias.

É impossível alcançar uma cidade sem a focalização da unidade do povo de Deus. Precisamos tomar essa consciência e instruir os irmãos a praticá-la – "Eu neles, e tu em mim, para que eles sejam perfeitos em unidade, a fim de que o mundo conheça que tu me enviaste, e que os amaste a eles, assim como me amaste a mim" (João 17: 23).

Uma visão que complementa os encontros facilitadores da nossa igreja.

Ir. Clédio Monteiro
2002-11-07
Share on Google Plus

About Doutrina Cristã

0 comentários:

Postar um comentário

Não use o silêncio como a melhor forma de dizer Aleluia!
Deixe seu comentário.
Ele é muito importante.
Obrigado