Header Ads

CASA DE ORAÇÃO


CASA DE ORAÇÃO

Quando atendemos ao apelo de Cristo, percebemos o fato das circunstâncias atuais modificadas, consideradas em relação a anterioridade à natureza da conversão onde a deliberação prova o melhoramento das práticas posteriores.

Essas circunstâncias se dar com o convertido da mesma forma como Cristo purificou o Templo conforme podemos ver em Mateus 21:12-16 [leia]. 

Nosso corpo é o Templo de Deus, e Cristo é quem o limpa de toda mácula, santificando-o com sua presença do espírito para o físico por meio da alma. 

O esmero da fé do recém convertido, momento em que ele expressa seu entusiasmo com a chegada de Cristo da mesma forma como os cristãos fizeram naquele Domingo que antecedeu a Páscoa – quando clamavam: “Bendito o que vem em nome do Senhor! Hosana nas alturas!” (v9). 

Recebe como primeira providência revolucionaria, a depuração do seu corpo com a expulsão de todos os espíritos corruptos que não só vendiam sua estrutura cadavérica (sim porque um corpo sem Deus não tem vida), como também compravam impurezas que contaminava-o moralmente – (v12) “Então Jesus entrou no templo, expulsou todos os que ali vendiam e compravam...” 

Repreendida biblicamente as ervas daninhas que embaraçava a vida do recém convertido, Cristo agora vos declara como sendo uma casa de oração - (v13) “A minha casa será chamada casa de oração”; por meio do qual Cristo tem uma palavra de poder para todos os que necessitam com fé, porque a fé honra a Deus e assim, (v14) “Chegaram-se a ele... cegos e coxos, e ele os curou...” 

Embora Jesus tenha vindo a nós o “vosso reino” e em nós, tem feito a sua vontade, somos semelhantemente desprezados por muitos assim como o Senhor também foi - (v15) “Vendo, porém, os principais sacerdotes e os escribas as maravilhas que ele fizera... indignaram-se” 

Porem em nós, Cristo será exaltado em louvor e adoração e amado como pelos inocentes – (v16) “Da boca de pequeninos e de criancinhas de peito tiraste perfeito louvor.” - Hosana ao Filho de Davi! 

“Graças te dou porque me ouviste, e te tornaste a minha salvação” (Sl. 118:21). 

Amem!

[Republicação de meu blog: clediomonteiro.weblogger.terra.com.br / 2003-05-28






Tecnologia do Blogger.