Breaking News

ads header
  • Breaking News

    sexta-feira, 7 de outubro de 2016

    PERSONIFICAÇÃO.



    PERSONIFICAÇÃO.

    Não se trata de metáfora, a prosopopeia da personificação do totó [cachorro] em ser humano. O sindicalista Antônio Rogério Magri foi ministro do Trabalho e da Previdência - no governo de Fernando Collor. Foi demitido, por declarar que cachorro também é ser humano. Tal prática é uma abominação [Mc. 7: 27] Jesus disse: “Deixe que primeiro os filhos fiquem saciados, porque não está certo tirar o pão dos filhos e jogá-lo aos cachorrinhos”. Infelizmente é o que mais se ver hoje: totós tratados como gente; e, gente tratada como antigo velho cachorro “vira-lata”. Sim porque já foi o tempo em que “vida-de-cachorro” era um sofrimento.

    Não sou inimigo dos animais. Não. Mas tem gente que trata cachorro como filho. Não vou me estender nesse mundo Pet [que só cresce]. Mas...  A natureza espera ser libertada do uso egoísta, para ser partilhada e colocada a serviço de todos. Cachorro nunca quis ser gente. Ele quer ser apenas um cachorro amigo e fiel [não mimado], ficar vigiando a casa enquanto seu dono dorme. Não é namorando animais como se fora nosso próximo, que vamos agradar a Deus, mas a fé em Jesus e no mundo novo e transformado que ele desperta. [Mc. 7: 28-29] A mulher respondeu: “É verdade, Senhor; mas também os cachorrinhos ficam debaixo da mesa e comem as migalhas que as crianças deixam cair”. Então Jesus disse: “Por causa disso que você acaba de dizer, pode voltar para casa; o demônio já saiu da sua filha”.

    Esta personificação do cachorro em ser humano – “humanozinho”; como é chama hoje assiduamente é um desdobramento da personificação maior, que, alastrou-se e, tem passado despercebida. Trata-se da personificação do sofrimento humano; que leva o mundo à destruição, isto é, atribuir vida humana a criaturas irracionais. [Rm 8: 22] Sabemos que a criação toda geme e sofre dores de parto até agora.

    Quando não obedecemos a Bíblia [Mc. 12: 30-31] Amarás, pois, ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento, e de todas as tuas forças; este é o primeiro mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Não há outro mandamento maior do que estes. Atribuímos forma de qualidade com sentimentos humanos a seres irracionais e inanimados ou objetos, como idólatra, esquecendo o diagnostico espiritual do homem que aborda sua origem “Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança” [Gênesis 1:26], tendo tanto uma parte material (corpo) como uma imaterial (alma/espírito). Subestimamos esta estrutura hierárquica organizacional do Reino de Deus aonde a sabedoria que vem do alto, o pão da vida é Jesus, a personificação de Deus.

    Nossa semelhança com a imagem de Deus que nos faz simultaneamente a diferença e a superioridade em relação a outras ligações da criação, não pode ser denegrecida a outra criatura irracionais, pelo contrario, nossa missão com Jesus é para iniciar uma nova criação; para isso, precisamos abrir os ouvidos e a boca, para que eles sejam capazes de ouvir e falar, isto é, discernir a realidade e proclamar a palavra de fé que a transforma – [Gn 1,31] E Deus viu tudo o que havia feito, e tudo era muito bom...

    Se não estamos personificando o Criador, a nossa própria imagem e semelhança através do misterioso relacionamento com Jesus – esperando um mundo novo, estamos então nos tornando uma evasiva personificação satânica. [Rm. 8: 18- 21] Penso que os sofrimentos do momento presente não se comparam com a glória futura que deverá ser revelada em nós. A própria criação espera com impaciência a manifestação dos filhos de Deus. Entregue ao poder do nada - não por sua própria vontade, mas por vontade daquele que a submeteu - a criação abriga a esperança, pois ela também será liberta da escravidão da corrupção, para participar da liberdade e da glória dos filhos de Deus.   

    O alvo é, e sempre foi o homem, personificando Cristo, para amar a Deus sobre todas as coisas.


    [Por: Luiz Clédio Monteiro – set/2016]

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Não use o silêncio como a melhor forma de dizer Aleluia!
    Deixe seu comentário.
    Ele é muito importante.
    Obrigado