Header Ads

Três fatos indiscutíveis.



Três fatos indiscutíveis. 


[2 Cr. 15,1] Veio o Espírito de Deus sobre Azarias, filho de Odede.

Azarias foi o profeta que animou o Rei Asa a perseverar na reforma espiritual em Judá.  E, o Senhor trouxe uma palavra ao povo através dele [v.2].  

Nela três fatos são indiscutíveis, a saber: primeiro. Deus está conosco enquanto estamos como Ele; segundo. Deus deixa-se achar por aqueles que o buscam; e o terceiro afirma que, quem abandona Deus será abandonado por Ele. E, Isto diz respeito a qualquer que seja independentemente de ser crente ou não [v.2]. 

Quanto resistirmos ao Diabo, estamos como Deus, porque somente quando nos sujeitamos a Deus é que podemos lutar contra o Diabo, e quando assim nos comportamos, Deus está conosco nos ajudando a limpar as mãos e purificar o coração [Tg.4,8]. Somente ao Senhor nosso Deus devemos adorar [Mt.4,10].

Quem busca a Deus, buscou primeiramente humilhar-se em converter-se dos seus maus caminhos e sobreveio em oração pelo arrependimento; assim Deus se deixa achar e os seus olhos, ouvidos e coração estão perpetuamente voltados para a oração daquele que o buscou [2 Cr. 7,14]. Tal promessa é uma clara expressão da graça soberana de Deus. Vamos celebrar o nome do Senhor grande e tremendo porque é Santo [Sl.99,3].

 Libere sua fé em qualquer circunstância. Ore no poder e na autoridade do Nome de Jesus ao enfrentar as adversidades. Não der margem para a derrota! Assuma sua autoridade em Cristo e determine que o Diabo tire as mãos da sua vida e, jamais, jamais pense nem por um segundo na possibilidade de abandonar a Deus; porque quem abandona Deus será abandonado por Ele [v.2]. 

Se, vivemos os infortúnios, não foi da parte de Deus, mas das tentações do Diabo; pelo contrário, nessas horas difíceis, todo céu está nos apoiando e não podemos fracassar! A chave da vitória está em enfrentar o inimigo no Nome do Único Deus verdadeiro e vivo – Jesus Cristo, e nunca apropriando à nossa azada força. 

Proclamemos: “Senhor nada para ti é ajudar; quer o poderoso, quer o de nenhuma força; ajuda-nos, pois. Senhor nosso Deus, porque em ti confiamos e no teu nome viemos contra essa multidão; Senhor tu és o nosso Deus, não prevaleça contra ti o homem.” [2 Cr. 14,11]. Esta oração foi considerada uma das mais poderosas em termos de batalha espiritual. Com ela o Rei Asa, venceu o exército de Zerá que tinha um milhão de valentes e trezentos carros de guerra e por três séculos, eles ficaram tementes a Israel.

Se, vamos ter que enfrentar os zeras da vida e seus valentes ate que Cristo volte, que seja então em seu Nome por direito legal de procurador, e como tal, temos o apoio do Céu em qualquer oração que fizermos verdadeiramente no Nome Todo-poderoso de Jesus.
Hoje se ver muito ensino, mas pouca demonstração do poder no Nome de Jesus. 

[por: Luiz Clédio Monteiro Filho]
Maio/2013
[Imag: Pr.Waldyr]
Tecnologia do Blogger.