Header Ads

Uma santa serenidade.



Uma santa serenidade.
 
[At. 10: 36] anunciou a Boa Notícia da paz por meio de Jesus Cristo,
 
A paz que Jesus nos deu e, que o mundo não conhece [Lc. 7: 50] é algo tão puro e tão especial que possivelmente só as crianças talvez possam sentir mesmo sem ter a menor idéia do que seja.
 
Deus quer primeiro, nos propor a sua paz [Dt 20: 10]. Isso porque não sabemos nada da verdadeira paz, ele quer que experimentemos a sua paz, visto que, a nossa paz é tão desprovida de significa que às vezes não passa de um emprego por dinheiro e, mesmo que oprimido, nos damos por satisfeito, em paz [Ex. 14: 12].
 
Somos todos mortos vivos quando não conhecemos e sentimos a paz de Cristo essa sossegada quietude santa e serena. Pois do que adianta ganhar o mundo e, não ter paz, uma paz que traz felicidade de fato e, dignidade e bem-aventurança. Uma paz que acende a fé que salva e, nos leva tranquilo para o caminho da verdade! [Lc. 7: 50; 1: 79]. É isso que Jesus quer nos dar o tempo todo e temos medo de aceitar.
 
Deus no mais alto dos céus quer a paz na terra aos homens [Lc. 2: 14]. Para acreditarmos e confiarmos muito bem a Jesus. Abraão foi o primeiro a receber esta paz quando Deus arrazoava sobre o futuro dos hebreus no Egito, dizendo: “Quanto a você, irá reunir-se em paz com seus antepassados e será sepultado após uma velhice feliz” [Gn. 15: 15]. Velhice feliz é sonho quase impossível que só Deus pode proporcionar com a paz do Senhor.
 
Jesus veio em missão de paz dizer que Deus quer fazer reinar a sua paz em nós [Lv 26: 6]; concedendo-a em aliança [Nm. 25: 12]. Mas o que é essa paz? O que tem ela de diferente da que o mundo nos ensinou?
 
Inicialmente a paz de Cristo vem do Espírito Santo consolador e, que, promovida por nós, nos faz filhos de Deus [Mt. 5: 9]; enquanto que a paz do mundo é gerada da violência como forma de revolver conflito e, é agenciada pelo abuso de poder [Ez. 13: 16]. Outra diferença é quando você intercede para que desça a paz de Cristo sobre alguém sem questionar o merecimento [Mt. 10:13]; ao passo que a paz do mundo não é dada e sim, negociada, de formas que, o mais fraco tem que aceitar a raça e o gênero do mais forte.
 
Concordo com Buda quando disse que a paz vem de dentro de nós; e, completo dizendo: “quando temos o Espírito vindo de Jesus”. Ao contrário do mundo que, procura nos outros a paz que precisa em si e, por isso nunca a tem. Jesus disse que nele teríamos paz que leva para a vida [Jo. 16: 33], uma paz que excede todo entendimento [Fl. 4: 7]; e, todos que buscam a paz do mundo terão aflição e, só a encontrará no dia seguinte à morte, no silencio do cemitério.
 
Finalizando disse Bob Marley: “Eu só quero viver em paz e, usufruir, do que Deus nos deixou no mundo, não preciso de riquezas materiais para ser feliz. Apenas quero sentir o que Deus nos fala em nossos ouvidos em um simples soprar do vento”.
Em paz me deito e logo adormeço [Sl. 4: 9].    
 
Luiz Clédio Monteiro
Fundador da Rede Social Cristã    
Site: http://doutrinacrista.ning.com/
Web: http://doutrinacrista.ning.com/profile/luizclediomonteirofilho
Blog [Doutrina Cristã]: www.cledio.blogspot.com
E-mail: Lcmf56@hotmail.com

                      


Tecnologia do Blogger.