Não paguem o mal com o mal




Não paguem o mal com o mal

[1. Pe. 3: 10b] “guarde sua língua do mal e seus lábios de proferir mentiras”

Somos portadores da benção e do julgamento. Quanto à benção, vamos dar agora a todos indiscriminadamente, porque se a benção for para alguém que merece, vamos ter benção em dobro; porem se ela foi dirigida a quem não a fazer jus por incredulidade, não se preocupe, ela não está perdida, pois voltará intacta como se nunca tivesse saído de nós. No caso de sermos portadores do julgamento, sim, somos, mas este julgamento não é para estes tempos; isto será para o “dia do Senhor” quando juntos com Cristo julgaremos ate os anjos quanto mais o mundo.

Desta forma todos nós os portadores destes dons por herança, devemos ter a mesma atitude para com o próximo; sejamos portanto cheio de amor compassivo, misericordioso com humildade espiritual [v.8]. Nunca jamais devemos pagar o mal com o mal, nem insulto com insulto visto que tudo quanto amaldiçoamos na terra será amaldiçoado no céu. Vejam o que se sucedeu com Jó quando amaldiçoou o dia do seu nascimento e, à noite em que foi concebido; de Jó paciente que era, e confiante em Deus, em seu lugar surgiu um Jó diferente desassossegado, questionador sem amor a vida. O que pode o homem fazer, quando amaldiçoa sua vida e de Deus não espera mais nada? Sabemos que houve arrependimento posterior e salvação para Jô.

Os olhos do Senhor estão sobre os justos; sobre os que amam a felicidade da vida praticando o bem e guardando-se do mal e da mentira. Os que seguem buscando a paz terão os ouvidos do Senhor atentos para suas orações. Amados herdeiros das bençãos tenham compaixão ao participar do seu próprio sofrimento dos outros; desta maneira será possível a convivência entre irmãos que erram.

Não ambicionem o poder deste mundo que se alimenta de rivalidade e opressão. Não revidem o hostilizador mesmo que venham a julgá-los como passivos e omissos; antes paguem o mal com o bem como princípio cristão. Está é a única forma de permanecermos legatários das bençãos; e, ao mesmo tempo, tornar-nos instrumentos de julgamento que desmascara e desarma os que praticam o mal.

Luiz Clédio Monteiro
Fundador da Rede Social Cristã
Site: http://doutrinacrista.ning.com/
Web: http://doutrinacrista.ning.com/profile/luizclediomonteirofilho
Blog [Doutrina Cristã]: www.cledio.blogspot.com
Share on Google Plus

About Doutrina Cristã

0 comentários:

Postar um comentário

Não use o silêncio como a melhor forma de dizer Aleluia!
Deixe seu comentário.
Ele é muito importante.
Obrigado