Header Ads

O servo provado no Senhor.




O servo provado no Senhor.

 [II Tm. 2: 15] “Procure apresentar-se a Deus como homem digno de aprovação, como trabalhador que não tem do que se envergonhar e que distribui com retidão a palavra da verdade”.

É comum ouvir a máxima popular que diz: “política, e, religião não se discute”. Mas não é o que as pessoas evitam. No caso da religião, tem sempre alguém tentando defender Deus dos que não acreditam nele; enquanto outros denigrem a imagem de Deus tentando mostrar um “desenvolvimento intelectual avançado”. Como se crer em Deus fosse um ato de fraqueza e covardia; ou ate mesmo de ignorância. Essas controvérsias, no entanto nunca deram em nada a não ser para causar intriga [v.14].   

O servo que está com a sua vida apegada a Cristo, não entra nesse tipo de discórdia, mas contudo tem que está preparado para outro tipo de desavença, a saber: a que envolve o Evangelho dentro da igreja. Neste caso o servo da palavra de Deus deve defender sábia e corajosamente sem cansar; tendo o cuidado de esclarecer a verdade com precisão absoluta. Evite entretanto o palavreado inútil dessa gente que se vai tornando cada vez mais ímpia [v.16].

Muitos cristãos, alvoroçado no resultado da palavra [como foi no caso dos cristãos primitivos que na ânsia de converter os gregos, que, por sua vez tinham dificuldade para admitir a ressurreição dos corpos (At. 17,32; I Co. 15,22), disseram que a ressurreição já acontecera no batismo (quando aqui, se tratava apenas de uma ressurreição espiritual)]; deixou-se levar por uma falsa teologia, esquecendo que um Ministro do Evangelho é um servo da Palavra de Deus; e, que, deve compartilhar a mensagem evangélica da mesma forma, como a recebeu do Espírito. Qualquer outra termo é improdutiva, inútil e infrutífera.

O servo provado no Senhor, deve ter retidão, respeito e acolhimento para com todo Princípio. Deve ter firmeza ao ser perseguido. Deve ter seriedade ao proclamar a Palavra. Deve evitar a todo custo, conversas ociosas; porque tudo isso são apenas agitações de expressões vazias.
Por fim, o sólido alicerce colocado por Deus na vida do servo provado, permanece, marcado pelo selo desta palavra: "O Senhor conhece os que são seus". E ainda: "Afaste-se da injustiça todo aquele que pronuncia o nome do Senhor." [II Tm 2.19].

Luiz Clédio Monteiro 
Fundador da Rede Social Cristã
Site: http://doutrinacrista.ning.com/
Web: http://doutrinacrista.ning.com/profile/luizclediomonteirofilho
Blog [Doutrina Cristã]: www.cledio.blogspot.com


Tecnologia do Blogger.