Dandara!



Dandara!

Deus te ampara, e o Diabo não te azara.
Como assistente social, ajuda os caras.
E, a ninguém desampara.
Dandara... Você é jóia rara, que Jesus repara!
Teu carinho sara a seara;
Quando ajunta, nada separa.
Dandara... Que a nada se compara,
Tem um sorriso marajoara.
A consternação você encara,
sua ternura não se equipara.
Dandara, você é minha cara.

Por: Luiz Clédio
Share on Google Plus

About Doutrina Cristã

1 comentários:

  1. minha 1ª poesia.
    vou ter que melhorar - eu sei.
    Mas foi de coração mesmo!

    LC

    ResponderExcluir

Não use o silêncio como a melhor forma de dizer Aleluia!
Deixe seu comentário.
Ele é muito importante.
Obrigado