O caminho começa pela fé



Por: Luiz Clédio Monteiro

O caminho começa pela fé

Taré tomou seu filho Abrão, seu neto Ló, filho de Arã, e sua nora Sarai, mulher de Abrão. Ele os fez sair de Ur dos caldeus para que fossem à terra de Canaã; mas, quando chegaram a Harã, aí se estabeleceram. Ao todo, Taré viveu duzentos e cinco anos, e depois morreu em Harã (Gn 11:1-9).
O caminho começa pela fé.

Todos nós temos uma “Canaã” como destino. Mas muitos terminam por morrer em “Harã”. O Harã do comodismo e às vezes da incredulidade que nos impede de prosseguir no caminho e na verdade para a vida (Jesus).

Deus não desiste e chama o descendente.

Então Deus disse a Abrão: «Saia de sua terra, do meio de seus parentes e da casa de seu pai, e vá para a terra que eu lhe mostrarei. Eu farei de você um grande povo, e o abençoarei; tornarei famoso o seu nome, de modo que se torne uma bênção. (Canaã - Gn 12:1-2).

O que Deus promete a Abrão? Simplesmente aquilo que qualquer nômade desejava: terra para os rebanhos e filhos para cuidar deles.

Em outras palavras, Deus dar a cada um o que cada um precisa. O que Deus promete é exatamente aquilo a que você aspira para responder às suas necessidades vitais (não precisando que venhas a recorrer ao pecado para conseguir).

E hoje, quais são as suas supremas necessidades? Por trás destas necessidades estão às suas aspirações e, dentro delas, a promessa de Deus em sua vida. Quem é você, o pai que vai morrer em Harã ou o filho que está indo a Canaã?

A tua integridade consiste numa entrega confiante a Deus que garante cumprir o que promete, quando ainda nada tu podes constatar ( Hb 11,1) Creia somente. Por que tudo começa pela fé.

Seja um herdeiro legítimo, das bênçãos e promessas de Deus. Não te satisfaça somente com a promessa. Lute para alcançar o dia em que tu possas te ver, as recebendo de fato.

Meu Deus! Como eu gostaria de vê-los assim.



Set 2006
Share on Google Plus

About Doutrina Cristã

0 comentários:

Postar um comentário

Não use o silêncio como a melhor forma de dizer Aleluia!
Deixe seu comentário.
Ele é muito importante.
Obrigado