Breaking News

ads header
  • Breaking News

    quarta-feira, 8 de outubro de 2008

    Fé, Amor e Gratidão.

    Comentando o Evangelho de Marcos (9:14-29), que narra a passagem em que os discípulos estavam rodeados por uma grande multidão. Alguns doutores da Lei estavam discutindo com eles. Logo que a multidão viu Jesus, ficou surpresa e correu para cumprimentá-lo. Alguém da multidão respondeu: Mestre, eu trouxe a ti meu filho que tem um espírito mudo. Cada vez que o espírito o ataca, joga-o no chão e ele começa a espumar, range os dentes e fica completamente rijo. Disse Jesus, tragam o menino aqui
    – Leve seus problemas a Jesus, certamente Ele ira se interessar.
    Quando o espírito viu Jesus sacudiu violentamente o menino, que caiu no chão e começou a rolar e a espumar pela boca. Jesus calmamente perguntou ao pai: Desde quando ele está assim?
    – Podemos aprender com Jesus que mesmo quando avistamos um grande problema, não devemos nos horrorizar; é importante manter a tranqüilidade.
    O pai respondeu: Desde criança. E muitas vezes já o jogou no fogo e na água para matá-lo. Se podes fazer alguma coisa, tem piedade de nós e ajuda-nos. Jesus disse: Se podes!... Tudo é possível ao que crê. O pai do menino exclamou (com lágrimas): Eu creio! Mas ajuda-me na minha falta de fé
    – Por mais duradouro que seja a causa do seu sofrimento; por mais agnóstico que seja sua fé, creia na Palavra Sagrada de Jesus: Tudo é possível ao que crê.
    Jesus ordenou ao espírito mau: Espírito mudo e surdo, eu lhe ordeno que saia do menino e nunca mais entre nele. O espírito sacudiu o menino com violência, deu um grito e saiu
    – Sempre que Jesus intercede no sentido de cessar as maldições, acontecerá primeiramente da situação se agravar ainda mais; como se a compaixão de Deus pudesse não ser tocada pela clemência do seu Filho. Assim sendo, poderá suceder da fé ser abalada grandemente, levando a pessoa ao desespero. Tem um velho ditado que traduz bem esse fato: Quanto mais eu rezo, mais a sombração me aparece. Isso porque as determinações do poder de Jesus não são obedecidas pelo satanás. O Satanás crê, teme e treme o nome de Jesus, mas sempre será uma criatura desobediente e insubordinada. Deste modo, são causas encapeladas que implicam em prejudicar ainda mais a vítima com tentações. Entretanto, o poder de Deus por Jesus repele-o libertando por fim o oprimido do sofrimento. Quando orares pelos problemas, confie e descanse no poder de Deus.
    O menino ficou como morto e por isso todos diziam: Ele morreu! Mas Jesus pegou a mão do menino, levantou-o, e o menino ficou de pé
    – Você pode está morrendo, ou como morto, ou até jaz sepultado diante das dificuldades, enigmas, incógnitas e demais efeitos desconhecidos que lhes apresenta momentaneamente a vida; se Jesus bancar a sua causa, creia; você vai levantar com tanto entusiasmo e vigor que o próprio diabo vai suplicar para que você não entre no inferno e assim possa vim a reconciliar os que lá estão.
    Passado o episodio, os discípulos à parte, perguntaram a Jesus: Por que nós não conseguimos expulsar o espírito? Jesus respondeu: Essa espécie de demônios não pode ser expulsa de nenhum modo, a não ser pela oração.
    – As dificuldades, não são para mudar o comportamento de fé que temos em Jesus, mas uma chance de provar a nós mesmo, que, crer, confiar e obedecer a Jesus, sem se quer vê-Lo é um ato de fé, amor e gratidão que dá mais ênfase a Deus e sua vontade do que às nossas necessidades, desejos e escolha.

    (Luiz Clédio)
    setembro\2008

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Não use o silêncio como a melhor forma de dizer Aleluia!
    Deixe seu comentário.
    Ele é muito importante.
    Obrigado